Especialistas

Veterinária conta as 5 maiores curiosidades sobre cachorros

via O Documento

Os cachorros são os animais de estimação mais populares do Brasil. De acordo com o IBGE realizada em 2015, 44,3% dos 65 milhões de domicílios possuem pelo menos um cão. Com tanta convivência é comum acreditar que se sabe tudo sobre esse animal, mas muitas coisas ficam apenas na imaginação dos tutores. 

Os cachorros estão presentes em boa parte dos lares brasileiros

Por que os cachorros fazem xixi em pé? Eles também suam? Essas e curiosidades sobre cachorros são listadas e esclarecidas pela veterinária Luana Sartori. Confira!

1. O olfato dos cães

Você sabia que os cachorros percebem os cheiros 1 milhão de vezes melhor do que os seres humanos? “E esse olfato é tão poderoso que o pet pode captar odores que você nem de longe poderia imaginar (e sentir). Os cães são capazes de sentir o cheiro de um inseto que está a longas distâncias ou até uma gota de sangue em um grande compartimento com água”, conta Dra. Luana.

Se você observar filhotes caninos recém-nascidos, vai perceber que mesmo sem abrir os olhos eles encontram o leite na mãe. Isso acontece porque o olfato é o primeiro sentido desenvolvido nos cachorros. 

“Além disso, eles são capazes de separar as funções das narinas e trabalhar as duas ao mesmo tempo”, explica a especialista. Ou seja, enquanto um lado do nariz identifica o cheiro, o outro se esforça para saber de onde ele veio.

2. Por que os cachorros fazem xixi em pé?

O comportamento de fazer xixi em pé costuma ser observado com mais frequência nos machos, mas algumas fêmeas também podem apresentar. O que muitos acreditam é que isso faz parte do processo, mas na verdade está ligado apenas à necessidade de marcar território – o que ocorre, em médiam a partir dos seis meses. 

“Cachorros machos preferem as superfícies verticais e se esforçam para alcançar o ponto mais alto. É possível observar também que esses animais urinam menos, mas mais vezes durante o passeio – justamente para marcar um maior número de locais”, conta Luana. Esse sistema faz parte da natureza do pet, portanto, deixe-o fazer sem puxar a coleira. 

3. Cachorros adoram beijar seus donos

cachorro lambendo dona
shutterstockA lambida do cachorro tem o mesmo significado de um beijo

Os lobos, ancestrais dos cães, têm o costume de lamber a boca de outro animal para demonstrar afeição. E os cachorros puxarem esse comportamento deles. Aquela lambida no rosto é como se fosse um beijo, uma forma de se declarar para o dono. 

4. Os cães também suam

“O suor é essencial para os animais, pois ajuda a eliminar o calor do corpo. Isso é importante porque a temperatura ideal do cão varia entre 38ºC e 39ºC, ou seja, mais elevada que a dos humanos”, explica a veterinária. 

Esse suor não é facilmente percebido porque, devido a quantidade de pelos, os cães não transpiram muito pela pele. “A principal forma para fazer com que o calor evapore é pelas almofadas das patas. A língua também é um órgão que pode ajudar a eliminar água e refrescar o organismo do animal.”

5. Chocolate pode ser fatal

Apesar de ser cheiroso e o cão pedir por ele, o chocolate contém teobromina, um ingrediente que pode afetar o sistema nervoso central e o músculo cardíaco do cão, provocando crises alérgicas, arritmias e até convulsões. Dependendo do tamanho do animal e da quantidade ingerida pode até ser fatal. 

Além do chocolate outros  alimentos são perigosos para os cães. A uva, por exemplo, pode causar insuficiência renal e hepática. “O ideal é alimentar o cachorro com ração seca destinada ao tipo de cada um levando em consideração peso, idade e a saúde do pet”, aconselha luana. 

Fonte: O Documento | https://odocumento.com.br/

Leave a Comment